Inspiração, Moda

Pérolas

Teve uma época que as pérolas tavam em todos os pescoços. Daí meio que passou. Eu digo meio, porque acho que elas nunca vão passar. Ainda bem! :)

xadrez com pérolas <3

 

pérola + brilho

 

PRFVR, indo trabalhar elegante agora!

 

aff <3

 

amando!

 

GENTE! APX

 

AFF! quero sair assim sem ser julgada! uahhua

 

Chanel colocou pérolas na cabeleira! :)

 

COPIANDO!

 

detalhe <3

 

sai spike, entra pérolas

 

 

SENDO RYCA

 

GENTEE <3

 

fazendo um DIY agora! hahaa

 

 

 

 

 

OMG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Standard
Filmes

Buildings & Vampires

Esse já é antigo, mas sempre vale a pena ver. Lembra quando você assistiu o filme Onde vivem os monstros e amou? Então, lembra que tem uma cena que o menino Max conta uma história pra mãe dele? Essa história virou um curta, tão lindo que toda vez que assisto ele (sério, já vi umas 5000x) fico meio emocionada, hahaha. É muito fofo. <3

 

Standard
Filmes

Jámon Jámon, um filme do Bigas Luna

Acho que um dos filmes mais bizarros que assisti nesses meus 27 anos com certeza foi Jámon Jámon. Ele é meio antigo, de 1992 e foi a primeira vez que o Javier Barden e a Penélope Cruz contracenaram juntos (depois teve o Vicky Cristina e aí eles tão aí juntos até hoje <3)

Primeiro que o título do pôster é o seguinte: “A film where woman eat men and men eat ham.” HAHAHAH. E o pôster então?

HAHAHAHAAH.

Agora a sinopse do filme: “José Luis (Jordi Molla) é um jovem executivo na fábrica de cuecas de sua mãe e se apaixona por Silvia (Penelope Cruz), empregada da empresa e filha de um prostituta. Ela fica grávida e José propõe casamento, mas Conchita, sua mãe, não quer ver o filho com uma operária. Ela arma um plano para afastá-los e contrata o bonitão Raul (Javier Bardem), trabalhador de uma fábrica de presunto que deseja virar toureiro, para seduzir a garota. Mas o jogo de atrações não sai como o esperado: Raul se apaixona por Silvia, e Conchita por ele.”

É um filme cômico, onde o Javier fala pra Penelope que os peitos dela tem gosto de presunto. Mas tem muitas cenas boas, é um filme meio diferentão, um pouco perturbante (no bom sentido) e que vale ver pelos dois atores super novinhos.

Ficaí o trailer:

Standard